Escrito em por & arquivado em Angelo, eSports, News.

A Brasil Game Cup (BGC), competição nacional de esportes eletrônicos, é uma atração garantida da maior feira de games da América Latina, a Brasil Game Show (BGS), que será realizada entre 11 e 15 de outubro, no Expo Center Norte, em São Paulo. Além do tão aguardado torneio para equipes masculinas, a BGC anuncia também que, pela primeira vez, irá promover um campeonato feminino de CS:GO.  As inscrições para ambas as modalidades poderão ser feitas a partir de 3 de julho pelo site oficial da BGC (www.brasilgamecup.com.br) e os melhores times das fases iniciais, disputadas online, se enfrentarão nas finais masculina e feminina, que acontecem, respectivamente, nos dias 13 e 14 de outubro, no palco da BGS. Em 2017, o torneio de CS:GO da BGC é realizado em parceria com a Gamers Club.

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Angelo, eSports, News.

A Brasil Game Cup (BGC), evento de games com torneiros de esportes eletrônicos organizado pela Brasil Game Show (BGS), acaba de anunciar mais uma grande atração para sua edição carioca, que será realizada entre 7 e 9 de abril no Centro de Convenções SulAmérica: um campeonato de corrida de drones. Os interessados poderão se inscrever gratuitamente pelo site oficial da BGC, em breve, participar das competições diariamente e concorrer a prêmios.

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Angelo, Artigos.

Confesso que nunca fui muito atento a parte indie do universo gamer; o que é, sem dúvida, um erro da minha parte. As grandes produtoras com suas extravagantes campanhas de marketing acabam chamando muito mais atenção, não é a toa que os desenvolvedores independentes fazem das tripas coração (nem sei se essa expressão ainda é usada) para concluírem seus projetos e conquistarem um lugar ao sol nesta indústria multi-bilionária.

Mas o que diferencia os games indie das super produções?

Acredito que o fator mais nítido está na questão financeira. Durante a BGS, por exemplo, conhecemos desenvolvedores que estão com o projeto em andamento há nove anos! Eles não podem largar o emprego para se dedicarem totalmente ao jogo, por isso fica bem mais trabalhoso finalizar um game mais robusto, que incorpora os elementos dos games de peso sem perder sua simplicidade.

E foi na própria BGS que testamos títulos bem criativos, alguns ainda estão no início do desenvolvimento enquanto outros estão nos seus momentos finais, prestes a caírem no gosto da galera. Esses desenvolvedores independentes também nos contaram sobre a dificuldade de conseguir apoio para os projetos, tornando ainda mais difícil a indústria se desenvolver no Brasil.

Nós do Gayme Over acreditamos que o Brasil tem sim potencial para se tornar outro gigante dos games, e por isso iremos apresentar a seguir alguns dos jogos que testamos durante a feira e, se você se gostar de um ou mais games, não deixe de acessar o site dos caras, curtir a fanpage e demonstrar seu apoio da melhor forma possível!

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Angelo, Artigos.

A Brasil Game Show está com um extenso catálogo de jogos disponíveis para o publico se aventurar, vários jogos ainda não foram lançados e o evento sabe como aumentar ainda mais as expectativas. É praticamente impossível testar tudo em um só dia devido ao grande número de pessoas e as imensas filas que se formam em questão de minutos após a abertura dos portões. Mesmo assim, poder jogar seu título favorito antes de todo mundo e estar rodeado de pessoas que curtem videogame é uma experiência válida. Além de ser uma excelente oportunidade para conhecer gente nova e puxar aquele papo enquanto esperamos.

Nós do Gayme Over ainda não conseguimos jogar todos os jogos que queremos, porém, tivemos a oportunidade de testar games bem legais que estão em seus últimos momentos no forno, faltando apenas alguns meses para o lançamento oficial.

 

Confira nossas impressões sobre o que jogamos na feira (até agora):

 

Leia mais »