Início » Top: 7 vilões digitais do universo nerd

Escrito em por & arquivado em Angelo, TOP.

O apocalipse pela tecnologia sempre foi tema de histórias famosas. Se dermos uma olhada no youtube sobre robótica, até parece que não estamos muito longe de algo parecido com os filmes e games. As inteligências artificiais (IA) estão cada vez mais avançadas, sempre programadas para tornar a vida melhor, mais fácil. Normalmente um computador autoconsciente não consegue compreender o valor da vida humana em sua totalidade, pelo menos é o que foi mostrado até agora nas histórias fictícias. O Gayme Over separou alguns desses terríveis vilões que tornam a vida dos mocinhos um verdadeiro lag.

 

Nem preciso lembrar que o post contém spoilers, certo?

Spoilers

 

1 – GLADOS – Portal (game)

glados

 

Responsável pelas instalações da Aparture Science, GLADOS parece inicialmente ser somente uma guia para o jogador. Com o avançar da história, descobrimos que ela foi responsável por diversas mortes dentro do complexo para realizar seu estranho propósito: experimentar. Chell, a protagonista, é a única que consegue sobreviver as armadilhas do sarcástico computador. GLADOS é adorada pelos fãs dos games, por conseguir manter um cinismo incomum enquanto tenta nos assassinar à todo momento. Em Portal 2 descobrimos a origem dessa personalidade tão estranha e cativante da vilã.

 

2 – Skynet – O Exterminador do Futuro (filme)

skynet

 

Skynet consegui ir além, o sistema de computador autoconsciente viu os humanos como uma ameaça à sua existência. Como resposta, hackeou os sistemas de defesa de todo o mundo e acionou o holocausto nuclear destruindo o planeta inteiro. Ainda assim, foi capaz de criar uma máquina do tempo para enviar um robô assassino ao passado com o objetivo de assassinar o líder dos humanos sobreviventes antes de seu nascimento. Até o filme mais recente da franquia, a Skynet ainda não conseguiu matar John Connor, o que faz com que ela não seja tão inteligente quanto parece, se não já teria percebido que usar a mesma tática cinco vezes e falhar significa que é hora de repensar o plano.

 

3 – ALIE The 100 (série)

alie

 

Assim como a Skynet, ALIE destruiu o mundo com um apocalipse nuclear. O objetivo? Resolver o problema da superpopulação. Sua criadora a programou para tornar a vida melhor, mas como é complicado programar um computador para ter sentimentos a vilã tomou o caminho mais prático. Durante a 3ª temporada inteira vemos a IA atormentar os protagonistas e fazer cara de paisagem. ALIE ainda tenta transformar todas as pessoas restantes em programas de computador para manter a raça humana em segurança. Esse caso é a prova de que defeitos de fabricação podem ser mortais.

 

4 – Rainha Vermelha – Resident Evil (filme)

rainha vermelha

 

Mais um computador que ficou responsável por todas as funções de uma instalação secreta. Assim como Glados, a Rainha Vermelha assassinou todos os funcionários de um laboratório a fim de conter o vazamento de um terrível vírus que transforma as pessoas em zumbis. Pelo o que pareceu, a lógica robótica não é muito propícia a buscar alternativas quando o assunto é matar pessoas. Ela reaparece no quinto filme da franquia, revoltada, querendo exterminar praticamente toda a vida na terra. Como de costume, a trama do filme não explica o porquê dessa mudança radical.

 

Seguindo o sucesso dos filmes, a Red Queen ainda fez uma participação no game spin off The Umbrella Chronicles, lançado para Wii em 2007. Pelo menos no game ela parecia melhor programada.

 

5 – SHODAN – System Shock (game)

Shodan

 

Se tem uma palavra que SHODAN não conhece é humildade. A responsável pela estação espacial Citadel sofre o ataque de um hacker que queria roubar informações confidenciais da empresa responsável pela Estação. Para isso, ele teve que desativar o senso de ética do computador que controlava tudo, tal ação fez com que SHODAN percebesse o quanto as máquinas são superiores aos humanos se transformando em uma ditadora e tomando o controle da nave. Ela também tenta exterminar a raça humana sem nenhuma vergonha em dizer o tempo todo o quanto é perfeita. SHODAN tem uma voz bizarra dando um charme todo especial ao computador assassino.

 

6 – Matrix – Matrix (filme)

matrix

 

Todos os anteriores parecem amadores se comparados com a grande antagonista do filme que revolucionou os efeitos especiais no cinema. Matrix destruiu o mundo, e se não bastasse, começou a “cultivar” humanos para serem usados como fonte de energia, simulando uma réplica extremamente detalhada do mundo real para que as pessoas não se tornassem ameaças enquanto à alimentavam. Mesmo com todos os esforços da resistência para desligar o super computador, ela teve que se unir à resistência formada por humanos que conseguiram escapar de seu controle para exterminar um dos programas criados por ela que ficou fora de controle. Foram necessários três filmes para tentarem destrui-la, porém, sem êxito.

 

7 – The Catalyst – Mass Effect (game)

catalyst

 

O Catalyst da série Mass Effect conseguiu levar o conceito de computador assassino ao extremo. Em vez de destruir apenas o planeta, seu objetivo era dizimar a galáxia! Isso porque o avanço da tecnologia acabou criando seres sintéticos tão inteligentes quanto os orgânicos. Com isso, as criaturas sempre acabavam tentando superar os criadores causando guerras intermináveis. Uma antiga raça alienígena de alta inteligência viu como unica solução a criação dos Reapers. Naves gigantescas programadas para destruir qualquer forma de vida inteligente deixando as mais primitivas para se desenvoverem até o próximo ciclo.

Os Reapers são controlados pelo Catalyst que serve como um computador central para coordenar toda essa operação bem trabalhosa, cada ciclo pode demorar centenas de anos para ser completado.

 

A grande lição que aprendemos é:

antes de deixar um computador controlar armas de destruição em massa, leia o manual de instruções.

computador

 

 

The following two tabs change content below.

Angelo Prata

Futuro jornalista apaixonado pela arte do século XXI chamada de videogame. Tentando melhorar a internet um post de cada vez, este sagitariano que vos fala tem dificuldades em escolher um jogo favorito. As séries Super Mario, Resident Evil, Donkey Kong e Mass Effect estão no top da minha lista imaginária e sim, sou fã da Nintendo!