Início » Os inesquecíveis temas musicais nos games

Escrito em por & arquivado em Angelo, Artigos.

A trilha sonora é parte importantíssima na criação de um game. Embalados nos diversos estilos musicais que casam com os momentos e a jogabilidade de forma majestosa, as músicas realçam a atmosfera e a imersão no jogo. Dentre os diversos temas memoráveis que os games nos proporcionaram, existem aqueles que têm um lugar especial em nossos corações. São aqueles temas que marcaram época e nos deram boas vidas à jogos incríveis.

É algo tão marcante que apenas ouvindo certas músicas somos capazes de lembrar daquele game que fez parte da infância, nos  transportando para aquele tempo em que nossa única preocupação era passar de fase no game e na escola. Vamos relembrar juntos  alguns dos temas mais marcantes do universo gaymer.

 

Coloque seus fones de ouvido e vem ouvir essas lindezas com a gente!

 

headfone dance

 

Super Smash Bros. Brawl – Main Theme

Aclamado pela crítica, aclamado pelos jogadores. Smash Bros é sinônimo de qualidade e diversão em todos os sentidos, incluindo sua trilha sonora. Recheada de remixes dos jogos originais de cada personagem, nenhuma se compara a música tema do game que foi logo apresentada no primeiro trailer da E3 em 2006.

Composta por Nobuo Uematsu, conhecido por seu trabalho na série Final Fantasy (em especial “Eyes on Me” de FF8), e com a letra revisada pelo próprio Masahiro Sakurai – criador da série – a música é cantada em latim! Fazendo qualquer gaymer se arrepiar só de ouvir. A música em si já era motivo suficiente para eu assistir a abertura toda vez que ia jogar hahaha.

 

Metal Gear Solid 3: Snake Eater – Snake Eater

Outro sucesso de público e crítica, MGS 3 revolucionou os games de espionagem contando a origem do espião mais famoso dos games. Criado pelo divo Hideo Kojima, essa série ficou  conhecida por popularizar o gênero stealth e melhorar sua jogabilidade a cada jogo lançado. Snake Eater possui clima e enredo tensos, o que inspirou Kojima a inserir uma música que combinasse com o clima de conspirações desenvolvido durante a campanha.

No melhor estilo James Bond a música tema casa com o game de forma espetacular, fazendo uma homenagem ao espião britânico mais famoso do cinema. Snake Eater foi composta por Norihiko Hibino – que também trabalhou em MGS 2 – com o vocal de Cynthia Harrell, rainha dos falsetes que também cantou a música “I Am the Wind” no game “Castlevania: Symphony of the Night” outro tema fodástico que também vale ouvir de novo!

 

 

Goldeneye 007 Wii – Goldeneye

Falando em espiões, o game que consagrou os FPS não poderia ficar de fora. Lançado originalmente para Nintendo 64 em 1997, esse título  também ficou popular pelo multiplayer de até quatro jogadores (super novidade na época) e é considerado um dos melhores jogos lançados para o console de 64 bits da Nintendo.

Mas não estamos falando especificadamente do original, mas do remake lançado em 2010 para o Wii que mais tarde ganhou uma versão para PS3, 360 e até Nintendo DS, batizada com o subtítulo de “Reloaded” e com os gráficos melhorados nos consoles de mesa das outras empresas. Pierce Brosnan que interpreta o agente secreto no jogo de 1997 foi substituído pelo ator atual Daniel Craig, essa acabou sendo a diferença mais impactante entre os dois títulos.

O game é bem fiel ao original e ainda nos apresentou uma abertura fodástica com a música tema do filme, que foi eternizada pela voz da delsa maravilhosa Tina Turner. Mas para dar uma cara mais jovem e apresentar o game para os jogadores da nova geração, convidaram a Nicole Scherzinger (antiga Pussycat Doll),para gravar uma nova  versão e a diva pop fez bonito! Não deixando a peteca cair para Tina que era conhecida por seus vocais destruidores.

 

Mirror’s Edge – Still Alive

Mirror’s  Edge possui uma das personagens femininas mais emponderadas dos games, inclusive falamos um pouco mais sobre ela em nossa lista das cinco personagens feitas pra “casar” aqui no blog. Além de deixar todo mundo com vontade de sair pulando pelas paredes esse jogo possui uma das mais belas canções feitas especialmente para ele. Still Alive é cantado pela sueca Lisa Miskovsky durante os créditos finais.

Ainda foi lançado um álbum intitulado “Still Alive (the remixes” que continha, além da canção original, mais cinco versões remixadas por DJs famosos, entre eles o Beny Benassi.

 

Pensando bem, essa música também serve para quando zerar Dark Souls.

 

Final Fantasy VI – Aria Di Mezzo Carattere

Seria um crime não inserir alguma música da série FF na lista; Final Fantasy VI marcou época com sua cena da ópera e a canção “Aria Di Mezzo Carattere” cantada por Celes, enquanto ela interpreta a cantora de opera Maria. A música possui uma versão cantada ao vivo em italiano pela Stevla Krastela no albúm “Final Fantasy VI: Grand Finale”.

FF VI é adorado pelos fãs por ter uma das histórias mais densas da franquia, além de uma das protagonistas femininas mais admiradas dos games, Terra Branford. O enredo compete junto com FF VII como um dos mais elaborados e o game é o Final Fantasy com o maior número de personagens jogáveis sendo 14 no total.

 

Final Fantasy VII – One Winged Angel

Como não lembrar de um dos vilões mais icônicos dos games, junto com uma música tema destruidora! “One Winged Angel” foi composta por Nobuo Uematso, o tema da última batalha do game é obrigatório em todos os concertos de FF, como já afirmado pelo próprio Nobuo. A música faz referência a última transformação de Sephiroth no qual sua mão direita se transforma em uma asa negra.

Em 2014 tive a oportunidade de ir à Video Games Live, um concerto ao vivo que vem ao Brasil uma vez por ano para tocar músicas de games, e foi nítido a emoção do pessoal quando começou a tocar. FF VII fez tanto sucesso que ganhou um longa metragem em 2005 que é sequência direta do game. No filme tivemos de ver a nova versão da música com vocais de deixar qualquer um arrepiado.

 

Silent Hill Shattered Memories – Hell Frozen Rain

Shattered Memories foi o primeiro SH que joguei, lançado para Wii e PS2 em 2009; apesar das críticas acabei me apaixonando por essa versão alternativa do Sillent Hill original. Tive a oportunidade de jogar no Wii e a interatividade com o Wii remote é incrível! Um dos poucos jogos mais “hardcore” que souberam usar da tecnologia sem cair na mesmice ou deixar o jogo como somente uma versão casual da franquia principal.

Junto com Silent Hill sempre temos músicas perfeitas para entrar na bad e SM não é diferente. “Hell Frozen Rain” possui uma letra incrível, ela praticamente narra todo o enredo em sua letra deixando-a ainda mais perfeita. com vocais de Elizabeth Mcglynn, essa música nos faz repassar toda a campanha durante os créditos, digna de aplausos!

 

The Legend of Zelda – Overworld theme

Hey Listen!

Sou suspeito para falar de Zelda pois é uma das minhas franquias favoritas! Sempre com um enredo emocionante e músicas marcantes, porém, o que nós gaymers sempre nos lembraremos é da Master Sword descendo na tela do menu principal e dando início a um dos temas mais marcantes da história dos games. Falar sobre Zelda é sempre uma onda de nostalgia imensa, pois o nível de qualidade de saga nunca deixa a desejar.

Composta por Konji Kondo, a música fez parte da trilha sonora do primeiro Zelda lançado em 1986, desde então já ganhou várias versões incluindo a versão marimba monamour!

 

 

Super Mario Bros – Overworld theme

Fechando nossa lista com chave de ouro, é claro que o encanador bigodudo mais famoso do mundo não poderia ficar de fora. A obra prima de Shigeru Miyamoto apresentou a Nintendo para o mundo e foi um dos responsáveis pelo sucesso do Nintendinho 8bits. Também composta pelo mestre Koji Kondo, me arrisco a dizer que esse tema é conhecido até por quem nunca jogou videogame na vida hahaha!

 

Curtiu a lista? Infelizmente não dá pra colocar todos os  temas em um só post, mas você pode contar pra gente ai nos comentários quais temas devemos colocar na parte dois e não esquece de dizer qual o seu tema favorito!

 

The following two tabs change content below.

Angelo Prata

Futuro jornalista apaixonado pela arte do século XXI chamada de videogame. Tentando melhorar a internet um post de cada vez, este sagitariano que vos fala tem dificuldades em escolher um jogo favorito. As séries Super Mario, Resident Evil, Donkey Kong e Mass Effect estão no top da minha lista imaginária e sim, sou fã da Nintendo!