Escrito em por & arquivado em Artigos, Danilo, eSports.

ESports é um tema que anda crescendo muito ultimamente. Pessoalmente é um assunto que estou acompanhando bastante visitando comunidades de jogos competitivos. Gostaria de compartilhar com vocês algumas das experiências e coisas que aprendo nessas comunidades.

 

Mas antes, que tal darmos uma olhada numa história breve dos ESports?

 

Para começar, vocês já tinham ouvido falar do termo e-sport antes? No caso 4 ou 6 anos atrás?

 

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Angelo, Danilo, TOP.

Você está jogando aquele game incrível! Com a história de encher os olhos, reviravoltas e vários personagens para interagir. Com o passar do tempo fica até difícil não ter uma queda por algum deles. São centenas de histórias e relacionamentos que criamos durante as jogatinas, principalmente nos RPG’s, nos identificando com suas distintas personalidades e maneiras de pensar.

“Mas, Angelo, esses personagens não existem!” nós sabemos jovem, não custa nada usar a imaginação e conferir a nossa lista dos crushes que foram feitos pra casar!

Se liga nessa marimba do amor s2

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Artigos, Danilo, TOP.

  Ontem (dia 29/01) foi dia da da visibilidade Trans. Vamos aproveitar a data para representar nossos amigos(as) nesse post.   Já parou para pensar em quantos personagens transexuais existem nos videogames? Você ficaria surpreso, pois existem ótimos exemplos em jogos e todos eles tratam isso de uma forma bem natural, tendo vilões e heróis carismáticos com essa característica em comum.  

Vamos ver abaixo os 5 transexuais em jogos que você (talvez) não conhecia.

Leia mais »

Escrito em por & arquivado em Angelo, TOP.

A comunidade gamer é um ambiente machista. Qualquer referência ao feminino, a não ser que seja apelo sexual, gera uma onda de “piadas” sem graça e ofensivas. As mulheres sofrem com o preconceito dentro do mundo dos games e nós gaymers também. Vira e mexe vemos algo como “esse jogo é de gay” ou “Nossa que gay” como se ser homossexual fosse algo inferior ou motivo de chacota. Na maioria das vezes percebesse que é uma questão cultural, até mesmo entre amigos já chamei alguém de “viado” tentando ofendê-lo. Na hora eu não percebia, mas comecei a refletir o quão imbecil acabo soando, além de ser preconceituoso com uma característica que também faz parte de mim.

Por isso caro leitor que possui essa linha de pensamento, é importante você saber que ser gay não é ser inferior, classificar algum jogo como “coisa de gay” não o torna menos divertido, só mostra o quanto você é desinformado  e está deixando de curtir um bom game com a galera por ficar repetindo frases que com certeza não são de sua autoria. Provavelmente ouviu alguém dizer, achou divertido e resolveu repetir.

Mas calma ai, você pode se redimir! Montamos um manual com as frases mais idiotas e preconceituosas que os jogadores dizem, e que nós (gaymers) estamos cansados de ler!   Se liga na listinha do tio:

 

Leia mais »